MENSAGEM PASTOR ALUÍZIO A. SILVA

25.05.2008 - 14:24
A autoridade do Crente

Você conhece sua autoridade em Deus? não?
Então vejamos...
Disse-lhes Jesus: - Eis aí que vos dei autoridade para pisardes serpentes e escorpiões, e sobre todo o poder do inimigo, e nada absolutamente vos causará dano (Lucas 10.19).
Ao mencionar serpentes e escorpiões, o Senhor Jesus está se referindo ao poder de toda hoste maligna (o diabo, principados, potestades e demônios). Precisamos estar conscientes de que, no nome de Jesus, temos autoridade sobre eles. Alguns, por equívoco, crêem que o Senhor deu essa autoridade apenas aos apóstolos. Será que a Igreja do Senhor Jesus tem menos autoridade, hoje, do que tinha no primeiro século? Não! É uma hipótese completamente absurda.
O valor da nossa autoridade repousa no poder que existe por trás dela - o próprio Deus. O diabo e suas hostes demoníacas sabem que temos essa autoridade. Por isso, o crente que entendeque o poder de Deus opera em seu favor, pode exercitar sua autoridade e enfrentar o inimigo destemidamente. É preciso entender, Entretanto, que o uso da nossa autoridade depende de pelo menos três princípios básicos.

a) A autoridade delegada ao guarda de trânsito
Tomemos, como exemplo, um guarda de trânsito. Se ele fizer o sinal característico de "pare" a qualquer motorista, imediatamente aquele motorista pára o veículo que está dirigindo, seja um fusca ou uma "jamanta". Todavia, não é a força física do guarda que faz com que isso aconteça. Nenhum guarda de trânsito tem poder físico suficiente para parar um carro, se o motorista resolver não fazê-lo. Os carros param, simplesmente, por causa da autoridade que está por trás daquele policial.
Todo motorista sabe que se o desobedecer, estará afrontando o governo, e isso poderá resultar em multa ou até mesmo em prisão. O que os motoristas respeitam é a autoridade do governo, representada pelo policial.
Quando um servo de Deus ordena algo para o diabo, este é obrigado a obedecer. A razão disso é exclusivamente a autoridade do próprio Senhor Jesus Cristo na vida desse servo. E nesse caso, o inimigo não tem alternativa senão obedecer, sob pena de ser atingido pelo exército de Deus. Bendito seja o nome do Senhor, pela autoridade que nos é delegada em Jesus Cristo!
Paulo disse aos crentes para serem fortes no Senhor, e na força do seu poder (Efésios 6.19). Isso significa que você, à semelhança do guarda de trânsito, pode se colocar diante do diabo e ordenar-lo que pare. Assim como um motorista pára o carro diante de um guarda de trânsito que lhe ordene fazê-lo, o inimigo também tem de parar diante de você. Como representante de Deus na terra, você estabelece a legalidade do Senhor onde quer que você esteja.

b) A farda do guarda de trânsito As vestes indicam autoridade. Quando um guarda de trânsito está de serviço, ele precisa de um uniforme. Mas sem o uniforme, ninguém o respeitará como autoridade. Caso ele se ponha à frente de um carro em movimento, ordenando ao motorista que pare, correrá o risco de ser atropelado. De modo semelhante, o sinal da nossa autoridade é o revestimento com Espírito Santo. Quando estamos revestidos com Ele, temos a mais alta autoridade do Universo.
Todo crente nascido de novo já possui o Espírito Santo habitando dentro de si. Após a ressurreição, o Senhor veio aos seus discípulos, soprou sobre eles e disse-lhes que aquele sopro era o Espírito Santo (João 20.21-22). Apesar de terem recebido o Espírito Santo, eles ainda estavam sem poder, pois não haviam sido revestidos com o uniforme espiritual. Por isso, o Senhor ordenou-lhes que esperassem em Jerusalém até que, do alto, fossem revestidos de poder (Atos 1.8). Esse mesmo poder deve estar sobre nós, revestindo-nos como um uniforme.
Não basta você ser filho de Deus e receber a autoridade delegada pelo Senhor Jesus. Você precisa ser revestido com poder, para que o inimigo o respeite. É um revestimento invisível aos olhos naturais, mas visível no mundo espiritual. Todas as potestades têm conhecimento dele. Por isso, grande é o temor que vem sobre as hostes do diabo, pois sabem que o poder de Deus em nós pode destruir as obras deles. Antes de sair para cumprir sua rotina de trabalho, o policial, normalmente, alimenta-se. Mas será que, só pelo fato de ter-se alimentado, ele está apto para cumprir o seu dever de policial? Não. Ele precisa, antes de tudo, vestir o uniforme, sem o qual ninguém o respeitará. E quando ele veste o uniforme de policial, todos passam a respeitá-lo como uma autoridade. E isso independe se está alimentado ou não. Meu irmão, nunca despreze o seu uniforme espiritual, pois ele representa a autoridade de Deus sobre você. Alguns cristãos estão cheios por dentro e sem o uniforme por fora; outros, usam o uniforme adequadamente, mas estão vazios por dentro. Precisamos tanto do enchimento interior, quanto dorevestimento exterior, para desempenhar o trabalho de Deus e exercer a sua autoridade com poder.

c) O guarda de trânsito possui uma arma Suponha ainda esta situação, quando um guarda de trânsito está devidamente uniformizado. Será que algum motorista ousaria desafiar a autoridade dele? É provável que sim, principalmente os criminosos. Para isso, ele precisa estar armado. A arma do policial é usada para reforçar sua autoridade. Do mesmo modo, nós também podemos passar por situações em que, apesar de exercitarmos a nossa autoridade, o inimigo ainda insiste em nos resistir. Nesse caso, nessa situação, o que fazer? Só nos resta uma opção: fazer uso de nossa arma - a Palavra de Deus. Quando liberamos a Palavra de Deus, com fé, os demônios são atingidos do mesmo modo que uma bala pode nos atingir. Talvez você esteja pensando: "Bom, eu já tenho uma Bíblia." Mas ter uma Bíblia apenas, não resolve. Ela não é uma arma para ser utilizada com a mão. É eficaz quando manuseada com a boca. Na visão de Apocalipse, João viu Jesus e da boca dele saía uma espada afiada. Não pense que Jesus é um faquir, engolidor de espadas - a visão era um símbolo, mostrando que a espada do Espírito deve ser usada em nossa boca. Quando verbalizada, a Palavra produz o que ela diz que produzirá. Em Mateus 4, Jesus nos dá um exemplo de como se deve usar a Palavra de Deus contra o diabo. Jesus estivera no deserto por quarenta dias jejuando e, ao final, o diabo veio para tentá-lo. E o que fez Jesus? Usou a Palavra, dizendo: "Está escrito!" Aleluia! Ele apenas citou a Palavra de Deus. O diabo, então, o deixou, dizendo: "Ok! Jesus, por enquanto você venceu!" Ele ainda voltou para tentar Jesus, não uma, mas duas vezes mais. E cada vez que o diabo vinha, Jesus dizia: "Está escrito!". Ele fazia uma tremenda confissão da Palavra de Deus.
Ouça-me: o diabo é um demente. Ele não desiste facilmente. Todavia, devemos atacá-lo com a mesma arma que Jesus usou: "a Palavra de Deus". Jesus sabia o poder da Palavra falada, tanto para atacar quanto para defender-se. Observe bem a atitude de Jesus diante da persistência do inimigo. Ele não disse: "Parece que isso não funciona. Eu confesso a Palavra, o diabo se vai, mas depois torna a voltar. Preciso buscar uma outra estratégia." Jesus não desistiu, porque o diabo insistiu com as tentações. Tampouco voltou ao deserto para jejuar novamente, julgando que talvez não estivesse em condições espirituais para enfrentar o diabo. Jesus permaneceu firme, apenas confessando a Palavra: "Está escrito!"
Em Apocalipse 12.11, lemos: "Eles o venceram por causa do sangue do Cordeiro e por causa da Palavra do Testemunho que deram." Meu irmão, você não pode derrotar o diabo com a sua própria força - você precisa da Palavra de Deus. Lembre-se que a Palavra de Deus é a verdade. A verdade não é o que você vê, nem o que você sente - a verdade é o que a Palavra de Deus diz. Ainda que você não veja nem sinta nada, ainda assim confesse a Palavra de todo o seu coração. A confissão gera fé em você e, esta, por sua vez, produzirá a realidade daquilo que a Palavra de Deus diz. Concluindo, há três motivos bem claros confirmando que a autoridade para pisar serpentes, escorpiões e todo o poder do diabo também foi delegada a nós, e não apenas aos apóstolos:
a) Em primeiro lugar, porque é uma autoridade delegada - não é nossa . A autoridade é competência exclusiva de Jesus - foi ele quem recebeu toda a autoridade. Todavia, Ele nos autorizou a usá-la no seu nome.
b) Em segundo lugar, porque precisamos do revestimento de poder. Lembre-se da ilustração do policial; é o revestimento que nos dá autoridade.
c) Em terceiro lugar, entenda que você ainda precisa usar a sua arma: a Palavra de Deus. Com ela apagamos os dardos inflamados do maligno e, por meio dela, desfazemos as obras do diabo e manifestamos o reino de Deus sobre a terra.
Sexta-Feira, 19 de Setembro de 2014            15369 acessos |   abençoado(s) conectado(s)     

                   

DICA QUENTE
Se o seu grupo possui algum talento especial, programe uma apresentação na celebração de domingo. Pode ser uma música ou uma encenação breve. Isto gera unidade no grupo.

Videira das Américas 
Pr. Eduardo Medella
Rua Min. Aleomar Baleeiro, 345 A
Recreio dos Bandeirantes
(21) 97477-6598

pr.eduardo@videirario.com.br
Videira Jacarepaguá
Pr. Geraldo Pereira Jr.
Est. do Tindiba, 1282
Cep.: 22740-361 - Jacarepaguá -RJ
(21)3327-1982 / 96430-2925
Bradesco: Ag.3007|C/C.0003498-3
pr.geraldo@videirario.com.br
Videira Realengo
Pr. Alcenir dos Santos
Av. Pedro da Cunha, 20
Cep.: 21710-110 - Realengo - RJ
(21)3331-6598 / 3468-2900
(21)96435-3124
pr.alcenir@videirario.com.br
Videira Freguesia - Jpa
Pr. Rodrigo Mariano
Ladeira da Freguesia, 196 Auditório
(FIJ)
CEP: 22760-090 - Freguesia - RJ
(21)3412-4779 / 96401-0552
pr.rodrigo@videirario.com.br
Videira Cabo Frio
Ob. André de Jesus
Tv. José Cupertino Santana, 20
São Cristovão – Cabo Frio – RJ
(21)98388-4311 / (22) 99733-1361
Videira Belford Roxo
Ob. Alexandre Valentim
Rua Begônias, Lt 3 Qd 2
Jardim Bom Pastor
Belford Roxo – RJ
(21) 2651-2729 / 96807-9003
videirabelfordroxo.com.br
Videira Vila Valqueire
Ob Max William Soares
Rua Henrique de Melo 1132
Vila Valqueire - RJ
(21) 96430-1704
Videira São João de Meriti
Ob. Esequiel Valenntim
Rua Dinoha Silva, 15
São João de Meriti – RJ
(21) 97576-2280
Videira Niterói
Pr. Walmir Machado

Contato:
(21) 98592-3041/ 96423-0022

Videira Duque de Caxias - RJ

Projeto de Plantação
Contato: (21)96435-3124



Videira Nova Iguaçu
Pr. Laércio Apolinário
Rua Ver. Russani Elias José, 149 - 1º
Centro Nova Iguaçu - RJ
(21) 3244-4072 / 7827-3781
pr.laercio@videirario.com.br
Videira de Magé
Ob. Cássio Mascarenhas
Rua Sapotizeiro 1016
Jardim Esmeralda - Magé - RJ
(21) 3690-8149 / 99448-3612
Videira Japeri
(Engenheiro Pedreira)

Ob. Rodrigo Ferreira
(21) 96422-3416

Videira Cassimiro de Abreu
Barra de São João

Pr. Max Fabrizzo
Projeto de Plantação
Contato: (62)9916-1930
Videira Rio das Ostras
Pr. Diego Oliveira
Rua Cachoeira de Macacu
Lt.19 Qd.35 - Creche Ebenezinho
Jardim Mariléia
(24) 99993-0187
Videira Petrópolis
Ob. Eduardo Rodrigues
Rua Tereza 746 - Sobreloja
Cep. 25625-018 - Petrópolis RJ
(24) 98801-2337
Videira Vila Velha - ES
Ob. Eduardo Almeida
Rua São Marcos, 150 - Santa Inês
Cep 29108-050 - Vila Velha ES
(27) 99919-9193
Videira Volta Redonda
Ob. Márcio Figueiredo
Av. Beira Rio, n. 2582
Retiro Volta Redonda
Tel.(24) 7811 2919 id. 929*3286
(24) 99921 4212
Videira Vitória - ES
Pr. Rogério Cascão
Av. Marechal Campos, 997
Santos Dumont
Cep 29042-715 - Vitoria ES
(27) 3056-0715 / 99979-0050
  SEG TER QUA QUI SEX DOM
Realengo 7:00 Oração 7:00 Oração
20:00 Cursos

7:00 Oração

7:00 Oração

7:00 Oração 09:00 Cursos
18:00 Culto
Jacarepaguá 20:00 Louvor Ensaio 19:30 Telepres
20:00 Cursos.
   

22:00 Vigília dos Vencedores

09:00 Cursos
17:00 Culto
19:30 Culto
Américas 20:00 Cursos

10:00 Culto

             

Home | Encontros | Bíblia Online | Fotos | Contato

© 2008 - 2010 Igreja Videira Rio de Janeiro. Todos os direitos reservados.