MENSAGEM PASTOR ALUÍZIO A. SILVA

25.05.2008 - 14:24
A autoridade do Crente

Você conhece sua autoridade em Deus? não?
Então vejamos...
Disse-lhes Jesus: - Eis aí que vos dei autoridade para pisardes serpentes e escorpiões, e sobre todo o poder do inimigo, e nada absolutamente vos causará dano (Lucas 10.19).
Ao mencionar serpentes e escorpiões, o Senhor Jesus está se referindo ao poder de toda hoste maligna (o diabo, principados, potestades e demônios). Precisamos estar conscientes de que, no nome de Jesus, temos autoridade sobre eles. Alguns, por equívoco, crêem que o Senhor deu essa autoridade apenas aos apóstolos. Será que a Igreja do Senhor Jesus tem menos autoridade, hoje, do que tinha no primeiro século? Não! É uma hipótese completamente absurda.
O valor da nossa autoridade repousa no poder que existe por trás dela - o próprio Deus. O diabo e suas hostes demoníacas sabem que temos essa autoridade. Por isso, o crente que entendeque o poder de Deus opera em seu favor, pode exercitar sua autoridade e enfrentar o inimigo destemidamente. É preciso entender, Entretanto, que o uso da nossa autoridade depende de pelo menos três princípios básicos.

a) A autoridade delegada ao guarda de trânsito
Tomemos, como exemplo, um guarda de trânsito. Se ele fizer o sinal característico de "pare" a qualquer motorista, imediatamente aquele motorista pára o veículo que está dirigindo, seja um fusca ou uma "jamanta". Todavia, não é a força física do guarda que faz com que isso aconteça. Nenhum guarda de trânsito tem poder físico suficiente para parar um carro, se o motorista resolver não fazê-lo. Os carros param, simplesmente, por causa da autoridade que está por trás daquele policial.
Todo motorista sabe que se o desobedecer, estará afrontando o governo, e isso poderá resultar em multa ou até mesmo em prisão. O que os motoristas respeitam é a autoridade do governo, representada pelo policial.
Quando um servo de Deus ordena algo para o diabo, este é obrigado a obedecer. A razão disso é exclusivamente a autoridade do próprio Senhor Jesus Cristo na vida desse servo. E nesse caso, o inimigo não tem alternativa senão obedecer, sob pena de ser atingido pelo exército de Deus. Bendito seja o nome do Senhor, pela autoridade que nos é delegada em Jesus Cristo!
Paulo disse aos crentes para serem fortes no Senhor, e na força do seu poder (Efésios 6.19). Isso significa que você, à semelhança do guarda de trânsito, pode se colocar diante do diabo e ordenar-lo que pare. Assim como um motorista pára o carro diante de um guarda de trânsito que lhe ordene fazê-lo, o inimigo também tem de parar diante de você. Como representante de Deus na terra, você estabelece a legalidade do Senhor onde quer que você esteja.

b) A farda do guarda de trânsito As vestes indicam autoridade. Quando um guarda de trânsito está de serviço, ele precisa de um uniforme. Mas sem o uniforme, ninguém o respeitará como autoridade. Caso ele se ponha à frente de um carro em movimento, ordenando ao motorista que pare, correrá o risco de ser atropelado. De modo semelhante, o sinal da nossa autoridade é o revestimento com Espírito Santo. Quando estamos revestidos com Ele, temos a mais alta autoridade do Universo.
Todo crente nascido de novo já possui o Espírito Santo habitando dentro de si. Após a ressurreição, o Senhor veio aos seus discípulos, soprou sobre eles e disse-lhes que aquele sopro era o Espírito Santo (João 20.21-22). Apesar de terem recebido o Espírito Santo, eles ainda estavam sem poder, pois não haviam sido revestidos com o uniforme espiritual. Por isso, o Senhor ordenou-lhes que esperassem em Jerusalém até que, do alto, fossem revestidos de poder (Atos 1.8). Esse mesmo poder deve estar sobre nós, revestindo-nos como um uniforme.
Não basta você ser filho de Deus e receber a autoridade delegada pelo Senhor Jesus. Você precisa ser revestido com poder, para que o inimigo o respeite. É um revestimento invisível aos olhos naturais, mas visível no mundo espiritual. Todas as potestades têm conhecimento dele. Por isso, grande é o temor que vem sobre as hostes do diabo, pois sabem que o poder de Deus em nós pode destruir as obras deles. Antes de sair para cumprir sua rotina de trabalho, o policial, normalmente, alimenta-se. Mas será que, só pelo fato de ter-se alimentado, ele está apto para cumprir o seu dever de policial? Não. Ele precisa, antes de tudo, vestir o uniforme, sem o qual ninguém o respeitará. E quando ele veste o uniforme de policial, todos passam a respeitá-lo como uma autoridade. E isso independe se está alimentado ou não. Meu irmão, nunca despreze o seu uniforme espiritual, pois ele representa a autoridade de Deus sobre você. Alguns cristãos estão cheios por dentro e sem o uniforme por fora; outros, usam o uniforme adequadamente, mas estão vazios por dentro. Precisamos tanto do enchimento interior, quanto dorevestimento exterior, para desempenhar o trabalho de Deus e exercer a sua autoridade com poder.

c) O guarda de trânsito possui uma arma Suponha ainda esta situação, quando um guarda de trânsito está devidamente uniformizado. Será que algum motorista ousaria desafiar a autoridade dele? É provável que sim, principalmente os criminosos. Para isso, ele precisa estar armado. A arma do policial é usada para reforçar sua autoridade. Do mesmo modo, nós também podemos passar por situações em que, apesar de exercitarmos a nossa autoridade, o inimigo ainda insiste em nos resistir. Nesse caso, nessa situação, o que fazer? Só nos resta uma opção: fazer uso de nossa arma - a Palavra de Deus. Quando liberamos a Palavra de Deus, com fé, os demônios são atingidos do mesmo modo que uma bala pode nos atingir. Talvez você esteja pensando: "Bom, eu já tenho uma Bíblia." Mas ter uma Bíblia apenas, não resolve. Ela não é uma arma para ser utilizada com a mão. É eficaz quando manuseada com a boca. Na visão de Apocalipse, João viu Jesus e da boca dele saía uma espada afiada. Não pense que Jesus é um faquir, engolidor de espadas - a visão era um símbolo, mostrando que a espada do Espírito deve ser usada em nossa boca. Quando verbalizada, a Palavra produz o que ela diz que produzirá. Em Mateus 4, Jesus nos dá um exemplo de como se deve usar a Palavra de Deus contra o diabo. Jesus estivera no deserto por quarenta dias jejuando e, ao final, o diabo veio para tentá-lo. E o que fez Jesus? Usou a Palavra, dizendo: "Está escrito!" Aleluia! Ele apenas citou a Palavra de Deus. O diabo, então, o deixou, dizendo: "Ok! Jesus, por enquanto você venceu!" Ele ainda voltou para tentar Jesus, não uma, mas duas vezes mais. E cada vez que o diabo vinha, Jesus dizia: "Está escrito!". Ele fazia uma tremenda confissão da Palavra de Deus.
Ouça-me: o diabo é um demente. Ele não desiste facilmente. Todavia, devemos atacá-lo com a mesma arma que Jesus usou: "a Palavra de Deus". Jesus sabia o poder da Palavra falada, tanto para atacar quanto para defender-se. Observe bem a atitude de Jesus diante da persistência do inimigo. Ele não disse: "Parece que isso não funciona. Eu confesso a Palavra, o diabo se vai, mas depois torna a voltar. Preciso buscar uma outra estratégia." Jesus não desistiu, porque o diabo insistiu com as tentações. Tampouco voltou ao deserto para jejuar novamente, julgando que talvez não estivesse em condições espirituais para enfrentar o diabo. Jesus permaneceu firme, apenas confessando a Palavra: "Está escrito!"
Em Apocalipse 12.11, lemos: "Eles o venceram por causa do sangue do Cordeiro e por causa da Palavra do Testemunho que deram." Meu irmão, você não pode derrotar o diabo com a sua própria força - você precisa da Palavra de Deus. Lembre-se que a Palavra de Deus é a verdade. A verdade não é o que você vê, nem o que você sente - a verdade é o que a Palavra de Deus diz. Ainda que você não veja nem sinta nada, ainda assim confesse a Palavra de todo o seu coração. A confissão gera fé em você e, esta, por sua vez, produzirá a realidade daquilo que a Palavra de Deus diz. Concluindo, há três motivos bem claros confirmando que a autoridade para pisar serpentes, escorpiões e todo o poder do diabo também foi delegada a nós, e não apenas aos apóstolos:
a) Em primeiro lugar, porque é uma autoridade delegada - não é nossa . A autoridade é competência exclusiva de Jesus - foi ele quem recebeu toda a autoridade. Todavia, Ele nos autorizou a usá-la no seu nome.
b) Em segundo lugar, porque precisamos do revestimento de poder. Lembre-se da ilustração do policial; é o revestimento que nos dá autoridade.
c) Em terceiro lugar, entenda que você ainda precisa usar a sua arma: a Palavra de Deus. Com ela apagamos os dardos inflamados do maligno e, por meio dela, desfazemos as obras do diabo e manifestamos o reino de Deus sobre a terra.
Sexta-Feira, 28 de Novembro de 2014            1862 acessos |   abençoado(s) conectado(s)     

                   

DICA QUENTE
Podemos fazer convites, eventos, visitas e tudo o que for necessário para encher o grupo de visitantes, mas se alguém não falar algo da parte de Deus, com paixão, as pessoas não voltarão!.

Videira das Américas 
Pr. Eduardo Medella
Rua Min. Aleomar Baleeiro, 345 A
Recreio dos Bandeirantes
(21) 97477-6598

pr.eduardo@videirario.com.br
Videira Jacarepaguá
Pr. Geraldo Pereira Jr.
Est. do Tindiba, 1282
Cep.: 22740-361 - Jacarepaguá -RJ
(21)3327-1982 / 96430-2925
Bradesco: Ag.3007|C/C.0003498-3
pr.geraldo@videirario.com.br
Videira Realengo
Pr. Alcenir dos Santos
Av. Pedro da Cunha, 20
Cep.: 21710-110 - Realengo - RJ
(21)3331-6598 / 3468-2900
(21)96435-3124
pr.alcenir@videirario.com.br
Videira Freguesia - Jpa
Pr. Rodrigo Mariano
Ladeira da Freguesia, 196 Auditório
(FIJ)
CEP: 22760-090 - Freguesia - RJ
(21)3412-4779 / 96401-0552
pr.rodrigo@videirario.com.br
Videira Cabo Frio
Ob. André de Jesus
Tv. José Cupertino Santana, 20
São Cristovão – Cabo Frio – RJ
(21)98388-4311 / (22) 99733-1361
Videira Belford Roxo
Ob. Alexandre Valentim
Rua Begônias, Lt 3 Qd 2
Jardim Bom Pastor
Belford Roxo – RJ
(21) 2651-2729 / 96807-9003
videirabelfordroxo.com.br
Videira Vila Valqueire
Ob Max William Soares
Rua Henrique de Melo 1132
Vila Valqueire - RJ
(21) 96430-1704
Videira São João de Meriti
Ob. Esequiel Valenntim
Rua Dinoha Silva, 15
São João de Meriti – RJ
(21) 97576-2280
Videira Niterói
Pr. Walmir Machado

Contato:
(21) 98592-3041/ 96423-0022

Videira Duque de Caxias - RJ

Projeto de Plantação
Contato: (21)96435-3124



Videira Nova Iguaçu
Pr. Laércio Apolinário
Rua Ver. Russani Elias José, 149 - 1º
Centro Nova Iguaçu - RJ
(21) 3244-4072 / 7827-3781
pr.laercio@videirario.com.br
Videira de Magé
Ob. Cássio Mascarenhas
Rua Sapotizeiro 1016
Jardim Esmeralda - Magé - RJ
(21) 3690-8149 / 99448-3612
Videira Japeri
(Engenheiro Pedreira)

Ob. Rodrigo Ferreira
(21) 96422-3416

Videira Cassimiro de Abreu
Barra de São João

Pr. Max Fabrizzo
Projeto de Plantação
Contato: (62)9916-1930
Videira Rio das Ostras
Pr. Diego Oliveira
Rua Cachoeira de Macacu
Lt.19 Qd.35 - Creche Ebenezinho
Jardim Mariléia
(24) 99993-0187
Videira Petrópolis
Ob. Eduardo Rodrigues
Rua Tereza 746 - Sobreloja
Cep. 25625-018 - Petrópolis RJ
(24) 98801-2337
Videira Vila Velha - ES
Ob. Eduardo Almeida
Rua São Marcos, 150 - Santa Inês
Cep 29108-050 - Vila Velha ES
(27) 99919-9193
Videira Volta Redonda
Ob. Márcio Figueiredo
Av. Beira Rio, n. 2582
Retiro Volta Redonda
Tel.(24) 7811 2919 id. 929*3286
(24) 99921 4212
Videira Vitória - ES
Pr. Rogério Cascão
Av. Marechal Campos, 997
Santos Dumont
Cep 29042-715 - Vitoria ES
(27) 3056-0715 / 99979-0050
  SEG TER QUA QUI SEX DOM
Realengo 7:00 Oração 7:00 Oração
20:00 Cursos

7:00 Oração

7:00 Oração

7:00 Oração 09:00 Cursos
18:00 Culto
Jacarepaguá 20:00 Louvor Ensaio 19:30 Telepres
20:00 Cursos.
   

22:00 Vigília dos Vencedores

09:00 Cursos
17:00 Culto
19:30 Culto
Américas 20:00 Cursos

10:00 Culto

             

Home | Encontros | Bíblia Online | Fotos | Contato

© 2008 - 2010 Igreja Videira Rio de Janeiro. Todos os direitos reservados.